Páginas

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

SEJA FORTE

Apocalipse 12

A Mulher e o Dragão
1 Apareceu no céu um sinal extraordinário: uma mulher vestida do sol, com a lua debaixo dos seus pés e uma coroa de doze estrelas sobre a cabeça.
2 Ela estava grávida e gritava de dor, pois estava para dar à luz.
3 Então apareceu no céu outro sinal: um enorme dragão vermelho com sete cabeças e dez chifres, tendo sobre as cabeças sete coroas.
4 Sua cauda arrastou consigo um terço das estrelas do céu, lançando-as na terra. O dragão colocou-se diante da mulher que estava para dar à luz, para devorar o seu filho no momento em que nascesse.
5 Ela deu à luz um filho, um homem, que governará todas as nações com cetro de ferro. Seu filho foi arrebatado para junto de Deus e de seu trono.
6 A mulher fugiu para o deserto, para um lugar que lhe havia sido preparado por Deus, para que ali a sustentassem durante mil duzentos e sessenta dias.
7 Houve então uma guerra nos céus. Miguel e seus anjos lutaram contra o dragão, e o dragão e os seus anjos revidaram.
8 Mas estes não foram suficientemente fortes, e assim perderam o seu lugar nos céus.
9 O grande dragão foi lançado fora. Ele é a antiga serpente chamada Diabo ou Satanás, que engana o mundo todo. Ele e os seus anjos foram lançados à terra.
10 Então ouvi uma forte voz dos céus que dizia:
 “Agora veio a salvação, o poder e o Reino do nosso Deus, e a autoridade do seu Cristo, pois foi lançado fora o acusador dos nossos irmãos, que os acusa diante do nosso Deus, dia e noite.
11 Eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do testemunho que deram; diante da morte, não amaram a própria vida.
12 Portanto, celebrem-no, ó céus, e os que neles habitam! Mas, ai da terra e do mar, pois o Diabo desceu até vocês! Ele está cheio de fúria, pois sabe que lhe resta pouco tempo”.
13 Quando o dragão foi lançado à terra, começou a perseguir a mulher que dera à luz o menino.
14 Foram dadas à mulher as duas asas da grande águia, para que ela pudesse voar para o lugar que lhe havia sido preparado no deserto, onde seria sustentada durante um tempo, tempos e meio tempo, fora do alcance da serpente.
15 Então a serpente fez jorrar da sua boca água como um rio, para alcançar a mulher e arrastá-la com a correnteza.
16 A terra, porém, ajudou a mulher, abrindo a boca e engolindo o rio que o dragão fizera jorrar da sua boca.
17 O dragão irou-se contra a mulher e saiu para guerrear contra o restante da sua descendência, os que obedecem aos mandamentos de Deus e se mantêm fiéis ao testemunho de Jesus.
18 Então o dragão se pôs em pé na areia do mar.
A mulher em Apocalipse 12 não é uma mulher individual, mas uma mulher universal, coletiva, simbolizando a totalidade do povo de Deus. Em Gênesis 3:15, a mulher era local e individual; o descendente, Cristo, também era individual; a serpente era uma pequena cobra. Todos os três, a mulher, o descendente e a serpente eram individuais e em pequena escala.

Em Apocalipse 12, a mulher é universal e coletiva, simbolizando todo o povo de Deus:
·         Os patriarcas – representados pelas doze estrelas
·         Israel – representado pela lua
·         Igreja, os crentes do Novo Testamento – representada pelo sol

Em Apocalipse 12, a serpente tornou-se um dragão. Enquanto a serpente rasteja na terra, o dragão voa pelos ares. Agora Satanás não somente se move na terra, mas também é extremamente ativo no ar. O descendente neste capítulo não é simplesmente o Cristo individual, mas é um organismo vivo e coletivo, o Cristo corporativo, incluindo Cristo como o Cabeça e todos os Seus crentes vencedores como o Corpo. Conseqüentemente, os três itens encontrados em Gn 3:15 são vistos de uma forma altamente desenvolvida em Apocalipse 12.

O FILHO VARÃO – A PARTE MAIS FORTE
 A mulher estava grávida e gritava com dores de parto. Então a mulher deu à luz um filho homem adulto, crescido. Aqui, o filho sendo um filho adulto, maduro, representa a parte mais forte do povo de Deus. Embora no verso 2 esse filho estivesse dentro da mulher, a palavra não o chama de bebê, mas de um filho homem e adulto. Lendo e orando sobre esse trecho da Palavra, percebemos que o filho não indica um bebê. Pelo contrário, ele indica a parte mais forte dentro da mulher. A mulher representa a totalidade do povo de Deus, entretanto, no decorrer de todas as gerações, tem havido alguns mais fortes entre o povo de Deus. Esses são considerados na Bíblia como uma unidade coletiva, lutando na batalha por Deus, para trazer o Reino de Deus à terra.

A história prova que nem todos entre o povo de Deus são fortes. Não, somente uma minoria do povo de Deus é forte. Isso foi verdade durante a época dos patriarcas. Você não crê que na época de Noé havia outros que pertenciam a Deus além de Noé? Creio que Deus tinha centenas de pessoas. Entretanto, Noé era um forte. Na época de Israel, houve centenas de milhares que pertenciam a Deus, mas apenas alguns deles eram fortes. Por exemplo, Elias e Jeremias eram fortes. Sem dúvida, a maioria do povo de Deus era genuína, mas não era forte. Encontramos a mesma coisa no Novo Testamento. Embora houvesse milhares de cristãos nos primeiros dias, não muitos eram realmente fortes. Mesmo no presente há milhares, até milhões, de cristãos, mas não muitos são fortes. Precisamos ser fortes.

Há um provérbio que diz que se não tivermos quantidade, nunca poderemos ter qualidade. A qualidade procede da quantidade. Suponha que Deus tenha 100 mil pessoas. Se 1% desse número fosse de pessoas fortes, então haveria 1.000 pessoas fortes. Primeiramente, temos quantidade, e depois, qualidade. O caminho de Deus é sempre sábio. Ele primeiro lugar, Ele ganha a quantidade. Ele chama muitos, mas escolhe poucos. Como diz Mateus 22:14: “Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos”.

Se seremos ou não um vencedor, isso vai depender de quanto partilhamos da graça de Deus.

Precisamos esperar no Senhor para que possamos ser enriquecidos, fortalecidos e nos tornarmos mais sólidos, a fim de que cresçamos da mulher para dentro de sua parte mais forte. Mas não importa quão forte se torne, não se separe prematuramente da mulher. Se fizer isso você, você terá cometido um aborto. Tenha cuidado para não ser “muito forte”. Se você for muito forte, será gerado da mulher muito cedo. Permaneça na mulher como parte do filho varão até que chegue a hora do nascimento.

Como podemos ser o filho varão?

Se quiser ser parte do filho varão, você precisa comer e crescer mais e tornar-se mais forte. Colocando isso em termos práticos você precisa:
  • ·        Orar mais
  • ·        Gastar mais tempo com o Senhor
  • ·        Ler mais a Palavra de Deus, a Bíblia
  • ·        Ter mais experiência com o Senhor, viver pela fé
  • ·        Crescer mais em vida, ter o caráter de Deus
  • ·        Ter mais tratamento em relação às coisas negativas
Se outros fofocam, você não fofoca. Se outros não oram, você ora mais. Você deve, de uma maneira certa, ser diferente dos outros. Ser evangélico é um termo geral. Os que são parte do filho varão são de certa forma um pouco distintos. Muitos cristãos são indiferentes. Eles têm pouco apetite e não gostam de estudar a Bíblia, são preguiçosos. Mas se você quiser estar no filho varão, não deve ser indiferente. Você precisa ser específico, simples e sério.

Você precisa ter um bom apetite e ter momento após momento tratamentos pessoais, diretos com o Senhor. Se você for assim, então será possível tornar-se a parte mais forte no meio dos cristãos. Se você estará ou não na parte mais forte depende de como reage ao desejo de Deus, ao mover de Deus e à economia eterna de Deus.

A economia do Senhor hoje depende daqueles que são fortes, não dos que são indiferentes. Precisamos ser absolutos e fortes. Se quisermos tomar este caminho, devemos tomá-lo de modo absoluto. Temos de estar entre aquela parte do Senhor que é forte. Quaisquer testes e provações que possam vir, resistiremos a eles. Antes, você deve dizer para si mesmo: “Pobre ego, vá embora. Não tenho nenhuma compaixão e não me importo com você. Eu me importo com o Senhor e com o Seu testemunho”. Todos nós devemos ser absolutos e fortes. Se formos absolutos e fortes, o nosso apetite será aumentado.
Muito de nós temos tempo para fofocar, mas dizemos que não temos tempo para ler algumas poucas mensagens. Você está na parte mais forte? Se você estiver, então será alguém faminto. As mães sabem que se uma criança não tiver um bom apetite, ela não crescerá e não será forte. Se você não ler as mensagens, não pode crescer, e se não crescer, não será forte. A parte mais forte entre os irmãos é formada por aqueles que têm fome da Palavra que sai da boca de Deus.

Se você é ou não a parte mais forte depende de quão faminto e sedento é. Se você for verdadeiramente sedento, odiará a fofoca e a conversa vã. Você dirá: “Estou aqui para ser treinado, fortalecido, nutrido e edificado. Não tenho disposição nem tempo para fofocar. Não tenho apetite para conversa vã”.
  
Hoje, a guerra é entre o dragão e os vencedores, a parte mais forte da igreja. Os irmãos que constituem o filho varão, a parte mais forte, lutam contra Satanás e por fim o vencem. Eles vencem Satanás por meio de três coisas:
·         Pelo sangue do Cordeiro
·         Pela palavra do seu testemunho
·         Por não amarem sua vida da alma mesmo até a morte
Estudo – Vida do Apocalipse
Witness Lee – Editora Árvore da Vida

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

São Lourenço, Minas Gerais, Brazil
EVANGELISTA QUE MORA EM SÃO LOURENÇO E TENHO A META DE DIVULGAR A LEITURA DA BIBLIA.